Irregular na primeira fase da LDB, Flamengo vai pressionado para segunda etapa da competição no Rio

O Flamengo se despediu da primeira etapa da LDB em São Paulo com uma sensação de alivio e também a certeza que precisará de vários ajustes na segunda etapa da LDB, no Rio de Janeiro, no final desse mês para buscar sua vaga na fase final da competição desta temporada. A equipe terminou a fase com 2 vitórias e 3 derrotas. O Garrafão Rubro-Negro detalha alguns aspectos da campanha do Flamengo nessa fase inicial e o que precisará ser corrigido para chegar a fase decisiva do torneio.

Flamengo Sub-22 – LDB 2021

Time rubro-negro tem uma média grande de erros e acaba perdendo jogos que poderia ter ganhado

Sempre quando o Flamengo enfrentou equipes paulistas na história da LDB acabamos tendo jogos equilibrados e na qual o número de erros em quadra acabava permitindo o time rubro-negro a ter uma vitória tranquila em certos confrontos. E a situação foi exatamente o contrário nesta etapa inicial da LDB. Com número elevado de erros contra o Bauru e o Rio Claro, o Flamengo acabou saindo derrotado de quadra e teve a sensação clara se não tivesse errado tanto, o resultado final da partida seria outro.

O Flamengo contra o Bauru cometeu 17 erros no jogo e contra o Rio Claro o número subiu para 19 erros.

Flamengo com bom volume de rebotes ofensivos e baixo aproveitamento nas segundas oportunidades em quadra

É sempre um fato a se elogiar quando a equipe tem um aproveitamento bom no volume de rebotes ofensivos, mas o elogio acaba ficando por ai quando a equipe acaba demonstrando uma falha grande na conclusão das jogadas permitindo que o adversário se mantenha vivo no jogo e até se complicando mais na partida, podendo até sair derrotado.

Um retrato disso foi o desempenho do Flamengo contra Mogi das Cruzes, o time obteve 31 rebotes ofensivos contra 6 da equipe paulista e nem com esse recorte do jogo, conseguiu construir uma vitória mais tranquila, pelo contrário, uma vitória suada por 62 a 60.

O Pinheiros com dois níveis acima dos demais concorrentes neste momento da competição

A equipe da capital paulista passeou contra os adversários na primeira etapa da LDB em casa e teve média superior a 100 pontos por jogo. Inclusive sobre o Flamengo conseguiu uma vitória larga no marcador pela grande eficiência nos três pontos no primeiro quarto, superior a 75%, e também saber fazer uma leitura coletiva do jogo da melhor maneira possível e sabendo se aproveitar das segundas oportunidades.

É um excelente time? É. Imbativel? Possivelmente não, mas caso o Flamengo enfrente novamente o Pinheiros na fase decisiva da LDB terá que fazer uma partida próxima da perfeição e saber aproveitar as oportunidades que o jogo irá lhe oferecer.

O Flamengo sofreu com a ausência de armadores na primeira etapa da LDB

Primeiramente foi a ausência de Matheusinho por Covid-19 em todos os jogos da primeira fase seguindo o protocolo da Covid-19 estabelecido pelos clubes para a competição. Depois foi a ausência do armador Cris que sofreu uma lesão no pé diante do Rio Claro e ficou de fora dos últimos jogos da equipe em São Paulo.

O armador Joãozinho tem um enorme potencial, mas acabou ficando sobrecarregado nesses jogos em São Paulo. E o Magno acabou sendo improvisado na função visando buscar ajudar o coletivo da equipe e o aproveitamento não ficou próximos aos jogadores que estavam desfalcando a equipe.

Ruan Miranda, Matheus Maciel e Rafael Rachel se destacam na primeira fase com a camisa rubro-negra

O ala-pivô Rafael Rachel mostrou o motivo que tem a confiança cada vez maior do treinador Gustavo De Conti no seu basquete. O jogador terminou a fase inicial da LDB como um dos destaques individuais do Flamengo na competição com a média de 12,0 pontos e 9,2 rebotes.

Ruan Miranda com 15,8 pontos e Matheus Maciel com 13,2 pontos foram os outros protagonistas do time rubro-negro nos jogos em São Paulo.

Pontos que precisam ser corrigidos pelo Flamengo para a segunda etapa no Rio de Janeiro

– Reduzir a quantidade de erros por jogo.

– Ter um aproveitamento melhor nos arremessos após a conquista dos rebotes ofensivos.

–  O retorno de Matheusinho e a estreia de Matheus Leoni podem ajudar e muito a leitura de jogo ofensivo e defensivo do time, elevando o seu patamar coletivo em quadra.

– A estreia do argentino Esteban Caffaro pode ser um diferencial do time para os jogos no Rio de Janeiro seja pelo seu arremesso nos três pontos e a forma que agride o garrafão nas infiltrações.

Campanha na primeira etapa da LDB 2021 – 2 vitórias e 3 derrotas

Bauru 73 x 67 Flamengo

Flamengo 67 x 68 Rio Claro

Flamengo 94 x 57 Cerrado Basquete

Pinheiros 109 x 63 Flamengo

Flamengo 62 x 60 Mogi

Jogos da segunda etapa da LDB no final de agosto no Rio de Janeiro – o Flamengo precisará vencer esses 5 jogos para se classificar a fase decisiva da competição

Flamengo x Brasília

Flamengo x Praia Clube

Flamengo x Unifacisa

Flamengo x Minas

Flamengo x Basquete Cearense

O Garrafão Rubro-negro precisa da sua assinatura para continuarmos a nossa cobertura do orgulho da nação. Faça sua assinatura a partir de 10 reais por mês. Conteúdos exclusivos e sorteio de camisas oficiais e casuais durante a temporada.

Apoia-se – apoia.se/garrafaorn

Pic Pay – @GarrafaoRN

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.