Garra e superação – Quimsa com grande atuação no segundo tempo elimina o San Lorenzo e enfrentará o Flamengo na decisão da Champions League

A volta da Champions League Américas nessa tarde em Buenos Aires acabou reservando um dos melhores jogos da primeira edição da competição. Com Quimsa e San Lorenzo praticamente reformulados não faltou superação, garra e variações táticas nos dois lados da quadra. Liderados por Franco Baralle e Fabian Barrios, o Quimsa conseguiu reverter uma desvantagem de 17 pontos e venceu o San Lorenzo na prorrogação por 110 a 97 e será adversário do Flamengo na decisão de sexta-feira.

Quimsa e Flamengo que já se enfrentaram na final da Liga Sul-Americana em 2009 e vencida pelo time rubro-negro, estarão novamente a frente em uma decisão continental após 11 anos.

1 quarto – San Lorenzo 26 x 18 Quimsa – O San Lorenzo começou o jogo com uma forte marcação e se pendurando rápido nas faltas. Esse panorama ajudou o Quimsa a se manter próximo do marcador nos minutos iniciais. Mas o excelente aproveitamento nos três pontos do San Lorenzo através dos arremessos de Jose Vildoza e Jonathan Maldonado. Quimsa teve Fabian Barrios como o jogador mais regular no período, mas terminou com 8 pontos de desvantagem.

2 quarto – San Lorenzo 22 x 18 Quimsa – O Quimsa repetiu os erros de leitura defensiva e ofensiva e viu o San Lorenzo castigar com os arremessos do perímetro, tendo Maximo Fjellerup e Agustin Caffaro como principais destaques. O San Lorenzo que soube forçar uma boa marcação em cima de Brandon Robinson durante todo o primeiro tempo e limitou o principal jogador do Quimsa na competição a marcar somente 3 pontos.

3 quarto – San Lorenzo 22 x 29 Quimsa – O Quimsa voltou melhor defensivamente e viu o crescimento na regularidade ofensiva do trio formado por Franco Baralle, Brandon Robinson e Fabian Barrios. O San Lorenzo viu sua intensidade diminuir em quadra e foi para o quarto decisivo com a vantagem apenas de 5 pontos.

4 quarto – San Lorenzo 21 x 26 Quimsa –  O San Lorenzo parecia meio pregado fisicamente em quadra e viu o Quimsa consolidar sua reação na partida com os pontos de Franco Baralle e Fabian Barrios. Mauro Cosolito tanto no papel de capitão e na pontuação também foi fundamental ao setor ofensivo da equipe de Santiago Del Estero. O San Lorenzo graças a bola de Luis Montero conseguiu levar o jogo para a prorrogação.

Prorrogação – San Lorenzo 6 x Quimsa 19 – O San Lorenzo viu seu vigor físico completamente esgotado na prorrogação e isso prejudicou demais a sua leitura e eficiência nos dois lados da quadra. O Quimsa que não tinha nada a ver com isso, confirmou a vitória com bolas de três de Franco Barallle e Brandon Robinson.

Placar final – San Lorenzo 97 x Quimsa 110

Final – jogo único – dia 30 de outubro

Flamengo x Quimsa , às 20 horas, na Antel Arena, no Uruguai.

Transmissão do DAZN Brasil e tempo real nas redes sociais do Garrafão Rubro-Negro.

ASSINE O GRN – o Garrafão Rubro-Negro precisa da sua assinatura no PIC PAY ou no Apoia.se (https://apoia.se/garrafaorn), a partir de 10 reais, para continuar existindo e dar continuidade ao seu trabalho jornalístico independente. E ajudando o Garrafão, um dos benefícios é você concorrer a uma camisa oficial e casual no final da temporada.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.