Yago Mateus fala da motivação de defender o Flamengo nessa temporada

Yago Mateus, um dos grandes talentos do basquete brasileiro nos últimos anos, nessa temporada irá defender o Flamengo. Uma torcida gigantesca estará ao seu lado tanto para apoiar e sempre na cobrança por vitórias e títulos. O blog Garrafão Rubro-Negro realizou uma entrevista exclusiva com Yago Mateus que falou do seu momento na carreira e destacou a importância de alguns clubes na sua formação.

Entrevista – Yago Mateus

Primeiramente, Yago poderíamos dizer que o Flamengo é o maior desafio na sua ainda jovem carreira? E quais foram os fatores que te levam a aceitar a proposta do Flamengo nessa temporada?

“Sem dúvida nenhuma, o Flamengo até aqui é o maior desafio da minha carreira. E acho que foi isso que mais pesou e me motivou a ir para um clube onde já tem grandes jogadores e eu ter que chegar, ganhar espaço. Chegar e evoluir junto com eles. Esse foi o principal motivo que eu pensei mais em aceitar a proposta do Flamengo.”

Muita gente que acompanha o basquete não deve saber, mas na base você já chegou a atuar no Rio de Janeiro. Quais são as suas lembranças de ter atuado no Jequiá? E falando de base, é correto afirmar que o Palmeiras foi muito importante na sua formação como atleta?

“O Jequiá foi muito importante e foi o primeiro clube que eu sai para jogar longe da minha família. Eu tinha apenas 11 anos e morava com meus primos e eles jogavam também no mesmo clube. As lembranças que eu tenho são boas. Passei muitas dificuldades e poder voltar pro Rio de uma maneira diferente agora vai ser algo muito especial. O Jequié é um clube que está guardado no meu coração e é um clube que me ajudou muito e eu pude seguir depois na minha carreira como jogador e voltar para o Rio de Janeiro agora será uma sensação incrível. Sem dúvida, o Palmeiras foi muito importante, desde que eu cheguei aqui para disputar a Federação, o Palmeiras me deu muitas oportunidades e eu pude crescer ao longo dos anos, me preparar muito para poder chegar ao Paulistano, na equipe principal, consegui jogar e seguir evoluindo. Sem dúvida o Jequiá, o Tupã, o Palmeiras me ajudaram muito e fazem parte da minha história.”

Yago Mateus jogando pela base do Palmeiras. (Fabio Menotti/Palmeiras)

Desde a época do Paulistano você sempre teve uma relação muito próxima com o técnico Gustavo De Conti. O que você espera desse reencontro com ele no Flamengo e poderíamos falar que ele seria um “paizão” a ponto de te ajudar muito tanto dentro e fora de quadra?

“Sem dúvida, o Gustavinho é um cara que me ajudou muito, que brigou comigo quando tinha que brigar, que me elogiou quando tinha que elogiar. E sempre me ensinou. Quando eu estava errado, ele dizia que o correto era assim, e quando eu estava certo, ele dizia que o correto era assim e que eu poderia melhorar nisso. É um cara que tem muito o meu respeito. E o Diego Jeleilate também. São dois caras que eu sou muito próximo. O Gustavinho e o Diego foram pais para mim no Paulistano e me ajudaram muito. Então é uma relação muito boa.”

Quando você acertou com o Flamengo, vários jogadores do elenco mostraram grande entusiasmo com a sua chegada no clube. Qual sua expectativa de começar os treinos ao lado de Marquinhos, Olivinha, Jhonatan e os demais jogadores?

“ Receber esse carinho e ver essa expectativa deles sobre mim é algo fantástico. Como eu falei é um clube muito grande e ver essa ansiedade deles com a minha chegada para a gente começar jogar é algo que eu nunca esperava. Isso me motiva cada vez mais, ter esses caras ao meu lado será incrível. Com certeza, eu vou aprender muito, vou evoluir muito, e quando eu acertei com o Flamengo meu coração ficou extremamente tranquilo que eu tinha tomado a melhor decisão possível.”

Desde que o Gustavo De Conti chegou ao Flamengo, a nação rubro-negra sempre perguntava quando o Yago vai defender o clube? E esse momento finalmente chegou. Qual recado que você deixaria para esse torcedor que sempre pediu seu nome no elenco?

“Quando a gente jogava contra, eles sempre me mandavam mensagens, falando que queriam me ver jogando no Flamengo. Dessa vez deu certo. Torcedores, nação eu estou chegando. Eu estou chegando muito feliz e quando eu estou feliz, as coisas acontecem da melhor forma. Me esperem que vai valer a pena.”

O Garrafão Rubro-Negro precisa da sua assinatura através do Pic Pay para continuarmos nossa cobertura jornalistica independente – faça a sua assinatura no aplicativo Pic Pay procurando o @GarrafaoRN ou acesse o link – https://picpay.me/GarrafaoRN . Quem é assinante concorre a camisa oficial no final da temporada e outros beneficios. Saiba mais – Apoie o Garrafão Rubro-Negro no Pic Pay.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.