Olivinha relembra seu primeiro ano como atleta profissional no Flamengo na temporada 2002/2003

Uma volta ao passado e as lembranças do primeiro ano como atleta profissional do Flamengo. Em entrevista exclusiva ao blog Garrafão Rubro-Negro, o ala-pivô Olivinha falou dessas recordações do elenco adulto em 2002 e deixou um recado especial para a nação que está na expectativa pelo retorno dos jogos tanto pelo NBB e pela Champions League Américas.

Olivinha – ala-pivô

Primeiramente, Olivinha como está sendo pra você esse período de isolamento socialal?  Como está a saudade de treinar com os companheiros do time e dos jogos do time seja pelo NBB e pela Champions League Américas?

“Esse período está sendo um pouco difícil já que a nossa rotina foi quebrada e estamos tendo que ficar dentro de casa praticamente o dia todo. Estamos tentando manter a forma física da melhor maneira possível, o Flamengo disponibilizou alguns materiais para treinarmos em casa e assim estou fazendo. A saudade já está gigante de poder reencontrar os companheiros, dos treinamentos, da resenha, ou seja, de tudo que fazia parte da nossa rotina diária. Sabemos que o NBB e a Champions vão voltar em algum momento e estamos nos preparando da melhor maneira possível para esses desafios.”

Antes da paralisação pelo coronavírus, o Flamengo teve a partida épica diante do Instituto de Córdoba pela semifinal da Champions League Américas. Olivinha, quais são as suas principais lembranças desse jogo no Maracanãzinho? Poderíamos colocar esse jogo como um dos principais da sua carreira em razão da virada como ela ocorreu em quadra?

“As lembranças são as melhores possíveis. Tivemos o nosso pior 1º tempo da temporada e voltamos para o 2º tempo com uma atitude completamente diferente e vencemos um jogo que muitos já davam como perdido. Isso mostra que o nosso grupo é bastante determinado e que não desiste nunca. Mesmo nas situações mais complicadas como foi nesse jogo contra o Instituto, não deixamos de acreditar em nenhum segundo e fomos buscar a classificação para a final na raça. Classificação com a cara do Flamengo.”

Recentemente você postou na sua rede social, a foto do elenco do Flamengo de 2002, sua estreia no elenco profissional de um clube. Quais são suas recordações desse elenco, quais jogadores você era mais próximo e teria algum jogo marcante nessa temporada?

“2002 foi minha primeira participação efetiva em uma equipe profissional e para mim foi um ano de muito aprendizado. Tive a oportunidade de jogar com grandes jogadores como Oscar, Olívia, Alexey, Alberto, Gema, Ricardinho e procurei aprender ao máximo com todos eles que já eram jogadores consagrados. Tive a felicidade de logo no meu primeiro ano como profissional ser campeão estadual e dei início à minha carreira com o Manto Sagrado da melhor maneira possível. Eu era bem próximo do Guto que é da mesma idade que a minha e nós subimos juntos para o profissional e, logicamente, próximo do Olívia e do Ricardinho também. Lembro do meu primeiro jogo no Brasileiro, em que eu me destaquei com 29 pontos. Infelizmente perdemos aquela partida na última bola, mas para mim foi um excelente início de campeonato onde eu consegui ganhar uma confiança grande desde aquele primeiro jogo.”

Primeiro ano de profissional de Olivinha no Flamengo na temporada 2002/2003.

O torcedor rubro-negro está em isolamento social, mas também na expectativa para o retorno da Champions League Américas e do NBB. Qual mensagem você deixaria para esse torcedor que não vê a hora de se reencontrar com o basquete do Flamengo no ginásio?

“Torcedor rubro-negro, vocês estão com saudades e nós também estamos morrendo de saudade. Estamos trabalhando da melhor maneira possível para quando a temporada recomeçar irmos com força total em busca dos nossos objetivos que são o título da Champions e do NBB novamente. Contamos com o apoio de vocês sempre, não sabemos como será essa volta aos jogos e não importa se vocês estarão em casa ou na arquibancada, eu sei que torcida não vai faltar nunca para nós e vocês podem ter certeza que faremos de tudo para honrar o Manto Sagrado.”

NESSE MOMENTO DE PANDEMIA DO CORONAVIRUS, FIQUE ATENTO AS INFORMAÇÕES DO MINISTÉRIO DA SAÚDE. CONFIRA ESSAS RECOMENDAÇÕES PELO SITE – HTTPS://CORONAVIRUS.SAUDE.GOV.BR/

Seja assinante do Garrafão Rubro-Negro , ajude a manter o projeto, concorra a ingressos para os jogos do Flamengo no Rio de Janeiro e uma camisa oficial no final da temporada:

https://www.catarse.me/garrafao_rubro_negro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.