Gustavo De Conti e Marquinhos analisam a vitória contra o Botafogo e enaltecem o momento do clube

O Flamengo conseguiu seu objetivo diante do Botafogo e se manteve perto do Sesi Franca na classificação geral do NBB dessa temporada. Após a vitória contra o time alvinegro, o blog Garrafão Rubro-Negro conversou com o técnico Gustavo De Conti e o ala Marquinhos que falaram sobre a vitória no clássico e o momento especial que vem atravessando o clube da Gávea.

Gustavo De Conti – técnico

Análise do resultado contra o Botafogo

“Uma vitória importante. O Botafogo é uma equipe que irá tirar vitórias de outras equipes durante o NBB inclusive já venceram o Minas. É uma vitória muito importante para nós.”

A expectativa para o jogo contra o CD Valdivia pela Champions League Américas

“A Champions League é uma competição importante. Estávamos a dois anos tentando voltar e agora conseguimos. A gente está levando isso bem a sério. O Jhonatan Luz foi preservado no clássico para ter condições de atuar contra o Valdivia. Vamos nos preparar da melhor forma possível para fazer um grande jogo e continuar invicto na competição.”

O fator motivacional que o título do futebol acaba por impactar no basquete rubro-negro

“Isso nos motiva demais e viver de perto tudo isso, conviver com as pessoas felizes. Inclusive minhas filhas pequenas comemoram pra caramba. É um momento inesquecível para nós e para todo o Flamengo. Eu só posso agradecer mesmo a oportunidade de estar no clube nesse momento, poder viver isso e estar ajudando o basquete e viver todo esse momento de perto eu só tenho a agradecer muito a esse clube.”

A torcida no futebol canta que o futebol pede o mundo de novo numa referência ao Mundial, o basquete podendo seguir o mesmo objetivo em quadra

“A nossa meta dentro do basquete é essa.  Assim como no futebol eu entendo a torcida falar e cantar quer o Mundial de novo, mas assim como ocorre dentro do time de futebol nós queremos ir passo a passo. Não adianta a gente pensar no Mundial e não ganhar antes a Libertadores (Champions League Américas) e com a gente o pensamento é o mesmo.  A gente ganhou o NBB , fomos pra Champions League, se a gente ganhar a Champions ai sim passaremos a pensar e buscar mais um título mundial.

Marquinhos – ala

Análise do resultado contra o Botafogo

“Uma vitória boa. A gente começou um pouco abaixo e foi engrenando aos poucos e foi entendendo o que era a proposta de jogo do Botafogo. A gente teve uma rotação maior e outros jogadores contribuíram. E acho que essa tem que ser a cara do Flamengo, uma noite tem que ser o Marquinhos, outra o Franco, e em outra tem que ser outro jogador. O NBB é um campeonato longo e precisamos disso aí. E estamos a uma vitória do líder e a gente vai em busca disso pois queremos ter o mando do Super 8 e ter a chance de decidir em casa.”

A expectativa para o jogo contra o CD Valdivia pela Champions League Américas

“A expectativa é ter uma festa aqui no ginásio. A gente sabe que é um campeonato diferente e o Flamengo gosta de campeonatos diferentes. Fica meu apelo para a torcida do Flamengo comparecer. Sabemos que temos um time em formação ainda, alguns jogadores entendendo o que é ser Flamengo, a gente acredita, temos uma base boa e conseguimos uma vitória incrível em Córdoba, na Argentina, e não podemos deixar essa vitória escapar aqui no Rio. A vitória na sexta é obrigação nossa.”

O momento do clube com titulo histórico em campo e o impacto que isso gera nas outras modalidades

“Isso nos motiva demais.  A gente sabe o que é isso. Eu e o Olivinha estamos no clube há 8 anos consecutivos e acompanhamos o time de futebol nesse crescente. E ficamos felizes de ver que chegou a hora deles com a conquista do Estadual, Brasileiro e da Libertadores. Bom demais poder presenciar tudo que está ocorrendo e fica a torcida nossa do basquete para que o time também conquiste o mundial”