Em jogo decisivo marcado por confusão externa, Marquinhos e Rafael Mineiro lideram o Flamengo a conquista Estadual

Um Estadual que começou tão conturbado pela não autorização da transmissão dos jogos, acabou terminando com um jogo decisivo marcado por uma confusão externa no ginásio que paralisou a boa partida que estava ocorrendo em quadra. Com o jogo recomeçado, Marquinhos e Rafael Mineiro foram protagonistas e o Flamengo se sagrou campeão ao vencer o Botafogo por 83 a 74.

Primeiro quarto marcado pelo volume ofensivo melhor do Botafogo – Liderados por Cauê Borges e Henrique Coelho, o Botafogo teve uma boa atuação do seu ataque no desenrolar do primeiro quarto chegando a abrir a parcial de 21 a 13 no placar. Mas o time rubro-negro conseguiu reduzir a desvantagem no final do primeiro quarto com o arremesso de três do ala Marquinhos – 26 a 19.

Confusão externa no Tijuca paralisa o jogo nos segundos finais do primeiro quarto

Uma confusão envolvendo a torcida do Botafogo e a policia militar do lado de fora do ginásio do Tijuca Tênis Clube acabou por paralisar a partida da final do Estadual por cerca de uma hora e meia. Os torcedores estavam tentando invadir o ginásio para assistir a final da competição.

Depois de muita conversa entre membros da Federação e dirigentes das equipes, o jogo recomeçou.

Torcida do Flamengo ficou acuada dentro do ginásio durante a confusão do lado de fora.(Vinicius Lima)

Flamengo volta melhor após a paralisação pela confusão do lado de fora do ginásio – Contando com a regularidade de Marquinhos e os pontos de Deryk Ramos, o time rubro-negro conseguiu impor seu bom jogo coletivo em quadra e assumiu a liderança da partida. O Botafogo não conseguiu repetir o aproveitamento ofensivo do primeiro período e foi para o intervalo com a desvantagem de 4 pontos – 44 a 40.

Marquinhos e Rafael Mineiro sendo eficientes no terceiro quarto – O Flamengo conseguiu manter um bom volume ofensivo durante o período com as jogadas de Marquinhos e Rafael Mineiro. O time alvinegro mostrou reação na partida com os pontos de Henrique Coelho, mas isso não evitou que o Flamengo aumentasse sua vantagem para o quarto decisivo – 67 a 60.

Botafogo busca a reação, mas o argentino Franco Balbi desequilibra para o time no último quarto – O time alvinegro começou o último quarto conseguindo a parcial de 7 a 0 no marcador com os pontos de Cauê Borges. A partir dai começou a aparecer mais a estrela do argentino Franco Balbi que seja em arremesso de três e nas assistências acabou sendo fundamental para confirmar a vitória e o título ao Flamengo.

Destaques do jogo

Marquinhos – 27 pontos

Rafael Mineiro – 17 pontos

Olivinha – 14 pontos

Franco Balbi – 12 pontos

O Flamengo emitiu comunicado sobre a confusão no término do primeiro quarto:

O Clube de Regatas do Flamengo vem a público reiterar que tomou todas as providências necessárias, inclusive de segurança, para a realização do Jogo 3 da Final do Campeonato Estadual de Basquete Adulto, nesta sexta-feira (4), no ginásio do Tijuca Tênis Clube.

Todas as demandas exigidas por regulamento pela Federação de Basquetebol do Estado do Rio de Janeiro e pelos órgãos públicos competentes foram cumpridas para garantir a integridade da partida, que teve torcida única – sendo assim proibida a entrada de torcedores do Botafogo no ginásio.

Em determinado momento do primeiro quarto de jogo, integrantes de torcida organizada do adversário foram para a porta do Tijuca Tênis Clube, causando tumulto próximo à bilheteria.

A arbitragem imediatamente interrompeu a partida, que ficou paralisada por cerca de 1h30, até que um representante do 6º Batalhão da Polícia Militar deu garantia de segurança para o prosseguimento do jogo.

É importante frisar que havia 35 profissionais de segurança privada contratados pelo Flamengo no ginásio, número maior do que o exigido (um segurança para cada 100 torcedores).

Após o reinício da partida, os convidados e familiares de atletas do Botafogo ficaram em área isolada no ginásio, os portões de acesso à arquibancada foram fechados e não foi autorizada a entrada de mais nenhum torcedor ao Tijuca Tênis Clube.

Por fim, o Clube de Regatas do Flamengo reitera seu repúdio a qualquer tipo de violência e assegura a todos que não mediu esforços para garantir a segurança dentro do ginásio, local em que lhe cabe tal responsabilidade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.