5 anos do Mundial – 28 de setembro, a data que o mundo se pintava de vermelho e preto com a conquista do Flamengo

28 de setembro de 2014, uma data que entrou para a história do basquete do Flamengo com a conquista da Copa Intercontinental diante do Maccabi Tel Aviv, de Israel, com uma vitória por 90 a 77. Emoção, determinação e uma sinergia entre o elenco rubro-negro e sua nação na Arena da Barra. O blog Garrafão Rubro-Negro destaca alguns jogadores desse elenco que tiveram sua importância dentro de quadra na construção desse capitulo histórico do basquete do Flamengo.

Marquinhos e a sua personalidade de querer ajudar e não se esconder nessa partida histórica

Um dos grandes nomes do basquete brasileiro, Marquinhos viveu uma sensação de emoções durante a realização do Mundial na Arena da Barra. Sempre focado e querendo mostrar seu melhor dentro de quadra, o ala teve que conviver com rumores na véspera do jogo decisivo da sua possível volta a NBA, e mesmo com esse panorama, Marquinhos mostrou toda sua personalidade e liderança em vários momentos do jogo decisivo contra o Maccabi Tel Aviv.

O time de Israel no jogo decisivo chegou a abrir 7 a 0 no placar e foi o ala Marquinhos que começou a reação rubro-negra dentro dessa partida com um arremesso de três pontos. Além desses pontos, o ala se mostrou inquieto dentro de quadra e sempre buscou orientar seus companheiros da melhor forma possível para a busca do objetivo final.

O título Mundial e todo o ginásio cantando na entrega do troféu “Fica Marquinhos” foram alguns dos momentos que ajudaram e muito a enriquecer a história do ala no Flamengo, ela que ainda continua nos dias atuais e ele virou com todo os méritos, umas das principais referências do time em quadra.

Vitor Benite com toda sua técnica e leitura de jogo para ajudar o Flamengo na construção da conquista histórica do Mundial

Se na primeira partida do Mundial, o norte-americano Jeremy Pargo só faltou fazer chover na Arena da Barra, o segundo jogo a história foi completamente diferente. Determinado a defender Pargo na partida decisiva, Vitor Benite foi um dos protagonistas dessa partida, inclusive fez a jogada que para a maioria da torcida do Flamengo foi a jogada do título após roubar a bola de Pargo, converter a cesta e ainda sofrer a falta.

O ala-armador mandou um depoimento exclusivo para o Garrafão Rubro-Negro relembrando esse momento:

“O momento mais marcante para mim foi quando acabou aquele segundo jogo e a gente foi campeão. Foi uma sensação de ter feito o improvável e para alguns a conquista era impossível a gente ganhar do campeão da Euroliga. Ficou uma sensação de superação não somente da minha pessoa, mas de todos. Isso me marcou muito e são esses tipos de jogos que colocam os jogadores na história, foi um momento maravilhoso. E com certeza esse foi um dos títulos mais marcantes da minha carreira.”

A importância dos estrangeiros na campanha do Mundial

Derrick Caracter, Jerome Meyinsse, Nicolas Laprovittola e Walter Herrmann – esses foram os jogadores estrangeiros que foram importantes ao sistema de jogo do técnico Jose Neto na campanha do título Mundial. Caracter teve uma boa atuação no primeiro jogo da Copa Intercontinental. E os demais brilharam no jogo decisivo, inclusive Laprovittola foi eleito MVP da competição e com toda a justiça pelo modo que desequilibrou a partida seja na pontuação e nas assistências.

Laprovittola foi eleito o MVP do Mundial.(André Durão/Globo)

Cristiano Felício e Gege Chaia – a juventude do basquete brasileiro conquistando o Mundial de Clubes

Em 2014 , Felicio e Gegê ainda eram jovens e tinham na bagagem títulos da LDB e do NBB e já mostravam o potencial que queriam mais. Felicio atuou no segundo jogo da final e mostrou um bom volume defensivo em quadra.

Já Gegê viveu um verdadeiro sonho. Rubro-Negro de carteirinha, ele soube viver todos os momentos do Mundial tanto dentro de quadra e fora dela após um título. E atualmente mesmo atuando em outro clube jamais esquece a gratidão que tem pelo Flamengo e o quanto o clube ajudou na sua evolução no esporte.

Olivinha -o deus da raça e mais um titulo histórico na sua trajetória no Flamengo

Um dos jogadores mais identificados com a torcida rubro-negra fez parte do elenco no Mundial e mesmo não sendo um dos grandes pontuadores do elenco na campanha, o ala-pivô entregou em quadra toda a sua raça que os torcedores tanto gostam e aprovam.

E ele sendo carregado pelos torcedores após a conquista do Mundial foi um dos auges da festa na Arena da Barra.

Marcelinho Machado entra para a história do Flamengo por ter conquistado tudo que era possível com a camisa do clube

Campeão sul-americano, da Liga das Américas, do NBB, Brasileiro e do Mundial. A conquista do Mundial acabou por coroar todo o ciclo vitorioso do ala no Flamengo. E em todos esses títulos com o manto sagrado, o ala foi um dos protagonistas, seja pela atuação dentro de quadra ou pela liderança que tinha perante todo o elenco.

Marcelinho foi um dos nomes mais celebrados na festa rubro-negra que invadiu a quadra após o termino do jogo contra o Maccabi Tel Aviv.

José Neto com mais uma grande conquista no comando do time rubro-negro

Os anos de 2013 e 2014 jamais serão esquecidos para o treinador José Neto. Pelo time rubro-negro ele comandou a conquista do Estadual, NBB, Liga das Américas e o Mundial. Foi um dos elencos mais talentosos da história do clube, mas que talvez não teria o mesmo êxito em quadra caso não tivesse um treinador preparado naquele momento para superar todas as adversidades que é normal durante a temporada e seguir firme, focado na busca pelos objetivos iniciais traçados.

O lado do torcedor rubro-negro nessa conquista histórica

Uma emoção única foi o que viveu o flamenguista durante os jogos do Mundial na Arena da Barra. Todos presentes não pararam de incentivar em nenhum momento e acreditaram que o titulo era possível. E a festa toda realizada após o título só comprovou o quanto esse apoio e o reconhecimento dos jogadores fizeram uma união perfeita nesse dia histórico da modalidade do clube.

O blog Garrafão Rubro-Negro conversou com o torcedor Henrique Machado que falou um pouco como foi viver toda essa experiência com o orgulho da nação no Mundial.

“ A festa após o título é a simbolização do que é o Flamengo e o que é a torcida do clube. Obvio que os campeões ali eram os jogadores, a comissão técnica, mas o Flamengo jogou sempre com um jogador a mais no Mundial que era a torcida. E nada mais justo ter a torcida ali dentro de quadra e acabou sendo premiada com essa conquista. A torcida do Flamengo é muito mais do que simplesmente torcedores, nós nos sentimos parte do Flamengo. Isso fica evidente em todos os jogos no Maracanã, no Tijuca, na Gávea.”

Henrique aproveitou para falar na sua opinião quem foi o jogador mais marcante dessa conquista do clube.

“Esse título em especial a gente olha hoje para trás e não tem como falar em somente um protagonista. O Nico é um excelente jogador e não é à toa que está tendo todo o reconhecimento profissional no exterior atualmente.  Alguns vão citar o Meyinsse, Marquinhos, Marcelinho que é o nosso principal ídolo. Tem o Olivinha que a personificação do que é a torcida do Flamengo. Felicio que era jovem naquela época e virou hoje um grande jogador para o basquete brasileiro. Não seria injusto falar que um deles somente foi protagonista, mas pra mim se tivesse que falar o momento que deu o titulo e mencionar um jogador de forma especifica, esse jogador que tem reconhecimento profissional no exterior, é o Vitor Benite e a roubada de bola em cima do Pargo. Aquele momento eu tive a certeza que o titulo seria nosso. Talvez ele não tenha sido o protagonista do Mundial, mas ele foi o responsável pelo momento crucial dentro da partida.”

A festa da torcida após a conquista do Mundial.(FIBA)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.