Em Montevidéu, o Flamengo terá duelos contra grandes técnicos estrangeiros no G League International Challenge

A competição internacional promovida pela NBA no Uruguai será uma excelente oportunidade para os times que irão disputar a Champions League dessa temporada provarem de fato o real potencial dos seus elencos. O blog Garrafão Rubro-Negro apresenta uma prévia dos principais técnicos estrangeiros presentes na competição e seu retrospecto dentro de quadra nos últimos anos.

Facundo Muller – Técnico do San Lorenzo, da Argentina

O segundo adversário do Flamengo nesse torneiro será o San Lorenzo e o seu técnico é bem conhecido pela equipe rubro-negra devido a um retrospecto recente.  Facundo Muller na última temporada foi o treinador do Instituto de Córdoba e teve a oportunidade de enfrentar o clube da Gávea na fase semifinal da Liga Sul-Americana 2018. Na ocasião, o time cordovês não deu chances a nenhum time brasileiro e conseguiu três vitórias atuando no Rio de Janeiro.

Após o segundo lugar na Liga Argentina, Facundo Muller chega ao San Lorenzo para substituir Gonzalo Garcia e com o objetivo de manter a hegemonia do time argentino dentro das Américas.

Um novo time, novos jogadores e uma filosofia de trabalho que o Flamengo já teve a oportunidade de saber como é. Um excelente teste para o time rubro-negro no dia 20 de setembro, nessa grande partida no Uruguai.

Facundo Muller terá seu maior desafio como treinador na carreira nessa temporada.

Dejan Radonjic – Técnico do Bayern de Munique

O time alemão é um dos grandes convidados para essa disputa internacional em solo uruguaio. Querendo se firmar como um dos grandes times da Euroliga, o grupo alemão tem o técnico montenegrino Dejan Radonjic. Será a segunda temporada dele no comando do Bayern e terá reforços importantes no seu plantel com o pivô norte-americano Greg Monroe, com passagem pela NBA.

Antes do Bayern, Dejan teve passagens pelos clubes – Budućnost(Montenegro) e Crvena Zvezda(Sérvia). E também chegou a ser treinador da seleção de Montenegro, em 2011.

O Bayern de Munique será o adversário de estreia do Flamengo, no dia 18 de setembro, no Uruguai. O time rubro-negro voltando a enfrentar um time europeu após o duelo contra o AEK, da Grécia, na última Copa Intercontinental.

O Bayern de Munique é o principal favorito ao título desse torneio no Uruguai.

Ramon Diaz – Capitanes do México

Após uma boa campanha na última edição da Liga das Américas, o Capitanes chega nessa temporada com mudanças importantes no seu elenco e querendo se manter como um dos times mais competitivos da Liga Mexicana. O treinador Ramon Diaz não tem mais a disposição o pivô cubano Ismael Romero, um dos destaques da Liga das Américas 2019, mas realizou contratações para suprir essa ausência.

Ramon Diaz antes de assumir o comando técnico do Capitanes foi assistente no Halcones de Xalapa, entre 2013 e 2014, e assistente da seleção mexicana comandada por Sergio Valdeolmillos, entre 2013 e 2018.

O Capitanes integra o grupo B desse torneio no Uruguai e poderá ser adversário do Flamengo numa possível semifinal ou final, nos dias 21 e 22 de setembro.

Ramon Diaz na sua segunda temporada como técnico do Capitanes do México.

Gustavo De Conti e o desafio de um elenco com mais versatilidade a sua disposição

Na segunda temporada no Flamengo, o treinador Gustavo De Conti realizou mudanças importantes no seu plantel e que podem acabaram resultando numa intensidade coletiva ainda maior e variações importantes no sistema de jogo da equipe rubro-negra em quadra durante essa temporada.

Sem a presença de um pivô com mais porte físico, o time rubro-negro deverá ter um time mais leve e deverá se utilizar muito do jogo de transição e buscando sempre o melhor arremesso numa troca rápida de passes.

Vale lembrar que no primeiro título nacional do técnico Gustavo De Conti no Paulistano, algumas pessoas destacavam a falta de um pivô de mais referencia dentro do garrafão e no decorrer da temporada, o Paulistano mostrou um sistema de jogo que foi o mais agradável da competição e com méritos acabou levando o título daquela temporada.

Duelo entre treinadores será um ingrediente a mais do grande torneio no Uruguai, em setembro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.