Perfis – Gui Deodato – Temporada 2022/2023

Gui Deodato foi um dos jogadores mais eficientes do NBB da última temporada e chega ao Flamengo como um dos reforços que a nação tem a maior expectativa de ver em quadra. O Garrafão Rubro-Negro apresenta a continuidade da série “Perfis” com o objetivo de trazer um panorama mais completo ao torcedor sobre o que foi o Gui Deodato de fato na temporada passada por quem acompanhou ele no Minas e também com um depoimento muito especial de um rubro-negro que foi campeão com Gui Deodato no Bauru.

O GRN conversou com o jornalista mineiro Matheus Muratori, do jornal Estado de Minas, que cobriu a temporada do Minas Tênis, BCLA e Super 8 e pode prestigiar de perto o Gui Deodato em quadra. E também conversou com o armador Gegê Chaia – ele se aposentou recentemente das quadras – e que foi campeão de tudo pelo Flamengo e que também foi campeão em Bauru ao lado de Gui Deodato.

Depoimentos

Matheus Muratori – jornalista

A avaliação da passagem e do desempenho do Gui Deodato no Minas Tênis Clube

“Gui Deodato chegou ao Minas para a segunda passagem no clube após bom momento no Bauru. Contudo, o ala superou as expectativas e subiu de patamar em Belo Horizonte. Pode-se dizer que Gui Deodato, aos 30 anos, chegou ao auge da carreira. O jogador se mostrou constante na pontuação, na defesa e também como líder da equipe minas-tenista – além de começar a figurar na Seleção Brasileira. O fator decisão também chamou atenção na temporada de Gui Deodato. Ele foi o principal jogador, por exemplo, da final da Copa Super 8 vencida pelo Minas. Deodato terminou a temporada, junto de Shaquille Johnson Sr., como grande destaque do Minas.”

Muratori cobriu praticamente todos os jogos do Minas Tênis na temporada passada.

Gegê Chaia – armador e campeão de tudo pelo Flamengo

Como foi pra você ter tido a oportunidade de ter atuado ao lado do Gui Deodato e quais qualidades dele como jogador você destacaria?

“O Gui Deodato é um grande irmão que o basquete me deu.  Mesmo quando a gente era adversário a tinha uma relação boa, muito próxima.  Isso eu posso falar desde a final da primeira LDB nós dois éramos apenas dois meninos em quadra.  É um cara que sabe que pode contar comigo sempre quando precisar e eu sei que posso contar com ele sempre que eu precisar. A gente teve a oportunidade de jogar juntos em Rio Claro e depois defendemos o Bauru e fomos campeões do NBB com o Bauru.  A gente tem uma relação muito grande. E fico muito feliz dessa oportunidade no Flamengo que ele está tendo. O Gui Deodato dentro de quadra pra mim sempre foi um jogador fora da curva, acho que fisicamente ele é um dos jogadores mais evoluídos dentro da Liga – o seu biotipo, o porte físico, a sua intensidade. Ele é muito completo na parte física.  Com certeza está entre os três jogadores mais físicos da Liga.  O arremesso dele é muito bom, ele confia muito no seu arremesso, é a principal arma dele esse arremesso de três pontos.  E a impulsão que ele tem também é algo incrível. Defensivamente também em razão do porte físico, ele consegue ter um jogo de pernas rápido e o Flamengo está recebendo um jogador bastante completo. Não estou falando isso dele que considero um verdadeiro irmão, falo isso pois admiro o trabalho dele. Ele vem só evoluindo nas últimas temporadas e agora terá esse prêmio de fazer parte do time junto com a nação.”

E qual recado você deixaria para o Gui Deodato sobre a nação rubro-negra? O que é ter essa torcida a seu favor em quadra?

“Ele sabe qual é meu sentimento pelo Flamengo e pela torcida.  O meu recado sobre o que é jogar no Flamengo ele está cansado de ouvir. Acredito que ele já imagina o que é, ele tem essa ideia do que terá pela frente.  Mas saber mesmo, só quando ele começar a jogar, pois se tratando de Flamengo, Flamengo não se explica, não se fala, Flamengo você vive, se sente o que é representar esse clube. A nação rubro-negra é o sexto jogador no basquete e é o décimo segundo jogador no futebol.  O que envolve o Flamengo tem a nação e isso tem um peso, valor muito forte.  Desejo muita sorte pra ele no Flamengo, que esteja preparado e acredito que ele estará no maior desafio da carreira dele.  Ele sabe que a pressão será grande, mas eu vejo que ele está pronto e os resultados estão aí para serem alcançados. Ele tem tudo para fazer história no Flamengo e eu torço muito por isso.  Torço pelo Flamengo e por esse irmão que eu sei que está tendo a oportunidade de realizar um sonho.  Seja bem-vindo Gui, aproveite esse momento único e o que você precisar de ajuda, pode contar comigo que eu estarei aqui.”

Elenco do Flamengo – Temporada 2022/2023

Confirmados

Armadores – Yago Mateus, Penka Aguirre

Ala-armadores – Martin Cuello e ?

Alas – Gui Deodato e ?

Alas-pivôs – Gabriel Jaú, Olivinha e Rafael Rachel

Pivôs – Rafael Mineiro, Vitor Faverani e ?

Técnico – Gustavo De Conti

Jogadores em NEGRITO já com o capitulo divulgado na série Perfis, os demais terão sua matéria especial em breve.

Dispensados – Brandon Robinson, Dar Tucker, JP Batista e Túlio da Silva

Tem algumas negociações de renovação e reforços em andamento.  Assim que tiver um avanço concreto para o desfecho de algum desses pontos iremos trazer a informação.

O Garrafão Rubro-negro precisa da sua assinatura para continuarmos a nossa cobertura do orgulho da nação. Faça sua assinatura a partir de 10 reais por mês. Conteúdos exclusivos e sorteio de camisas oficiais, casuais e par de ingressos durante a temporada.
Apoia-se – apoia.se/garrafaorn
Pic Pay – @GarrafaoRN

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.