Lembranças – os jogadores que integraram o elenco rubro-negro na campanha da Champions League Américas

Uma campanha vitoriosa de qualquer equipe numa competição não é feita somente dos protagonistas, também tem aqueles jogadores que entraram em quadra e acabaram por contribuir seja em pontos, rebotes, assistências, ou simplesmente no posicionamento tático proporcionando o erro dos adversários.

Em razão da Covid-19, a final da Champions League Américas irá ocorrer em uma nova temporada e o Garrafão Rubro-Negro relembra quem fez parte do elenco do Flamengo nas fases anteriores da competição, que foram importantes, e que não estarão mais em quadra na grande final.

Ala-pivô norte-americano Leron Black

A passagem do norte-americano Leron Black foi rápida pelo Flamengo. O ala-pivô jogou apenas a partida de estreia da equipe rubro-negro na vitória contra o Instituto de Córdoba, na Argentina, por 83 a 75. No inicio de dezembro, o jogador acabaria sendo liberado pelo clube e foi defender o Minas Tênis Clube.

Pivô dominicano Eloy Vargas

O dominicano chegou com a campanha rubro-negra já em andamento pela Champions League Américas e quando teve a oportunidade de demonstrar seu bom basquete em quadra conseguiu confirmar a expectativa depositada nele. Teve uma boa regularidade em pontos e rebotes. Ajudou na reação histórica da equipe na semifinal contra o Instituto, no Maracanãzinho.

Ala-armador norte-americano Zach Graham

Umas contratações que mais geraram expectativa na temporada passada. Zach Graham teve que se readaptar no Flamengo a uma nova função. Não ficar somente focado em pontuar, mas também ter uma visão mais ampla do jogo coletivo. Essa mudança de sistema de jogo acabou levando um período de adaptação, e Zach acabou tendo atuações importantes como o primeiro jogo das quartas de final contra o Fuerza Régia, do México, na qual foi o segundo cestinha da equipe com 15 pontos.

Armador uruguaio Panchi Barrera

O armador uruguaio Panchi Barrera chegou ao Flamengo para a fase eliminatória da Champions League Américas. Nos duelos contra o Fuerza Regia, o uruguaio mostrou uma ótima visão de jogo e distribuiu boas assistências. Mas depois uma lesão no pé impossibilitou dele atuar na semifinal contra o Instituto de Córdoba.

Ala-armador Deryk Ramos

Um dos nomes de confiança do treinador Gustavo De Conti na rotação, Deryk Ramos oscilou seu rendimento durante a campanha do Flamengo até a semifinal contra o Instituto de Córdoba. Mas vale ressaltar a importância do jogador na reação da equipe no jogo contra o Instituto no Maracanãzinho. Foi dele o bom trabalho defensivo que gerou a roubada de bola e os dois pontos de Olivinha para empatar o jogo histórico pela semifinal da competição.

O jovem armador Matheusinho chegou a ser relacionado para algumas partidas da Champions, mas não entrou. Mas só o fato de vivenciar um jogo internacional in loco acaba também servindo de enorme aprendizado.

Champions League Américas – Primeira edição

3 jogo da semifinal – dia 25 de outubro

Quimsa x San Lorenzo, às 20 horas, em Buenos Aires, na Argentina.

Final – jogo único – dia 30 de outubro

Flamengo x Quimsa ou San Lorenzo, às 20 horas, na Antel Arena, no Uruguai.

ASSINE O GRN – o Garrafão Rubro-Negro precisa da sua assinatura no PIC PAY ou no Apoia.se (https://apoia.se/garrafaorn), a partir de 10 reais, para continuar existindo e dar continuidade ao seu trabalho jornalístico independente. E ajudando o Garrafão, um dos benefícios é você concorrer a uma camisa oficial e casual no final da temporada.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.