Período sem jogos – um momento importante para o crescimento do basquete rubro-negro nessa temporada

Em virtude do qualificatório para a Copa América, o basquete do Flamengo só voltará a atuar tanto pelo NBB e pela Champions League Américas no inicio de março. E essa pausa poderá ser importante para o recondicionamento físico e a realização de mais treinamentos para um melhor entrosamento tático da equipe. O blog Garrafão Rubro-Negro detalha alguns retrospectos recentemente que comprovam como o Flamengo como time cresceu nesse período que sem jogos.

Temporada 2018/2019

O peso da eliminação na fase semifinal da Liga Sul-Americana no Rio de Janeiro

O Flamengo naquele momento da temporada ainda estava longe do seu auge tanto físico, tático e técnico em quadra. O armador argentino Franco Balbi ainda estava em processo de adaptação ao novo clube. E o sistema tático que até ali era empregado, acabou se modificando após a eliminação da Liga Sul-Americana. O jogo muito acelerado deu vez a um sistema muito mais cadenciado e sabendo trabalhar muito mais o tempo de bola.

E em razão dessa eliminação da Liga Sul-Americana, o time teve mais tempo para treinar e principalmente descansar o lado mental, ainda mais pela grande maratona de jogos que teve naquele curto período.

A eliminação da Liga Sul-Americana e o aprendizado que o time rubro-negro teve com esse resultado. (FIBA)

A conquista da primeira edição da Copa Super 8

As atuações do Flamengo na primeira edição da Copa Super 8 mostrou o time com um novo padrão de jogo e com um argentino Franco Balbi mostrando de fato todo o seu potencial em quadra. E aliado a isso jogadores experientes como Anderson Varejão, Marquinhos e Olivinha acabaram também crescendo sua positividade nos jogos.

A conquista diante do time de Franca naquela final já deu um bom sinal do real potencial do elenco daquela temporada.

O período de preparação antes do playoff do NBB dessa temporada

Segundo colocado na fase de classificação, o Flamengo teve alguns dias para se preparar para a etapa decisiva do NBB. O time rubro-negro mostrou novamente a importância desse período sem jogos e soube mostrar em quadra como uma equipe bem sólida, não somente nos jogos que foi mandante e também em alguns jogos como visitante.

E esse período de treinos ajudou o Flamengo a fortalecer a confiança do seu banco de reservas que acabou sendo fundamental para o playoff do NBB. Jogadores que entraram em quadra como Davi Rossetto, David Nesbitt e Kevin Crescenzi tiveram atuações importantes em duelos contra o Corinthians e Botafogo.

Paulistano como exemplo positivo do período sem jogos na temporada 2017/2018

Antes de assumir o comando do Flamengo na temporada passada, o técnico Gustavo De Conti soube demonstrar no playoff do NBB que sabe como utilizar o espaço sem jogos no calendário para fortalecer sua equipe não somente no aspecto físico, tático e também mental. O Paulistano que ganhou o NBB daquela temporada soube ser uma equipe muito bem postada taticamente e ter um controle mental muito grande para vencer séries duras contra o Bauru na semifinal e contra Mogi na grande decisão.

O Flamengo dessa atual temporada e a evolução que pode ocorrer nesse período sem jogos

Líder isolado do NBB e o único time invicto da primeira edição da Champions League Américas, o Flamengo somente pela sua colocação na tabela pode levar o torcedor a acreditar que é um time que não precisa de ajustes em quadra. Mero engano. Um período como essa da temporada poderá ser fundamental para ajustar pequenos detalhes que possam fortalecer ainda mais o potencial do elenco montado pela diretoria esse ano.

O blog Garrafão Rubro-Negro pode detalhar alguns aspectos que podem melhorar no time nesse período:

  • A evolução tática e técnica da segunda unidade do time rubro-negro. Pode ser um período importante para melhorar a confiança nos arremessos de alguns jogadores como Deryk Ramos. E pode ser um período importante para o armador uruguaio Panchi Barrera após o período na seleção ganhar ainda mais entrosamento com a equipe e mostrar ainda mais seu potencial técnico.
  • A recuperação do lado físico de todo o elenco, mas também um tempo para descansar o aspecto mental de todos os jogadores que acaba de certo modo ficando cansaço com a maratona de jogos que o time teve nesse início de 2020.
  • Um bom tempo para uma análise maior dos adversários do time na sequencia da temporada e aprimorar ainda mais o plano de jogo do Flamengo quando for enfrentar esses adversários em quadra.

Seja assinante do Garrafão Rubro-Negro , ajude a manter o projeto, concorra a ingressos para os jogos do Flamengo no Rio de Janeiro e uma camisa oficial no final da temporada:

https://www.catarse.me/garrafao_rubro_negro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.