Flamengo mostra sinais de evolução coletiva e vence o CD Valdivia pela Champions League Américas

O Flamengo voltou a jogar nessa sexta-feira na Arena Carioca 1 e teve pela frente a aguerrida equipe do CD Valdivia, do Chile, pela Champions League Américas. O time rubro-negro soube controlar o placar em praticamente toda a partida, graças a sua regularidade defensiva que provocou erros de passes como arremessos forçados da equipe chilena, o Flamengo venceu a partida por 82 a 71.

Primeiro quarto começa equilibrado e Olivinha é o jogador mais eficiente

O ala-pivô Olivinha foi o destaque do Flamengo nos minutos iniciais diante do CD Valdivia. Olivinha se mostrou uma peça importante não somente nos pontos, mas também nos rebotes. O time chileno contou com a a regularidade dos seus argentinos Nicolas Ferreyra e Nacho Alessio para fazer um jogo equilibrado, mas os pontos de Leonardo Demétrio e Eloy Vargas ajudaram o Flamengo a terminar a parcial na frente – 24 a 18.

Flamengo começa o segundo período com ótima intensidade ofensiva

 O melhor ataque é a defesa. Seguindo esse lema, o Flamengo começou o quarto com um bom trabalho defensivo e isso permitiu uma melhor transição ofensiva, permitindo uma leitura de jogo melhor em quadra dos jogadores o alto índice de aproveitamento. O time chegou a abrir 17 pontos de vantagem no marcador (39-22). O time chileno esboçou uma reação com os pontos de Nacho Alessio, mas o Flamengo foi para o vestiário com boa vantagem – 42 a 33.

Time rubro-negro administra o placar na volta do intervalo

Com os pontos de Olivinha e Eloy Vargas, o Flamengo conseguiu administrar sua liderança na partida na volta do intervalo. O CD Valdivia se mostrou muito dependente da regularidade dos seus jogadores argentinos em quadra e também das jogadas do chileno Gerardo Isla, mas as jogadas tramadas por Franco Balbi e Zach Graham ajudaram o Flamengo a aumentar a diferença no final do quarto – 67 a 54.

Ataque rubro-negro oscila no último quarto, mas a defesa garante a segunda vitória na competição

O Valdivia fez um último período para engrossar o jogo e chegou a reduzir a diferença para 8 pontos, mas a ansiedade de querer fazer história em quadra, acabou minando toda reação que a equipe poderia ter dentro de quadra. E mesmo com o ataque não produzindo o mesmo dos outros períodos, as bolas de Eloy Vargas e Zach Graham sacramentaram o resultado positivo do Flamengo.

Destaques do Flamengo contra o CD Valdivia

Olivinha – 17 pontos

Zach Graham – 15 pontos

Léo Demétrio – 13 pontos

Eloy Vargas – 12 pontos e 9 rebotes

Franco Balbi – 9 pontos e 6 assistências

2 comentários sobre “Flamengo mostra sinais de evolução coletiva e vence o CD Valdivia pela Champions League Américas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.